Porque ser solteira é a melhor coisa

A fase dos 20 anos de idade é um momento crucial para o autodesenvolvimento e para abraçar novas experiências, mas também pode ser uma fonte de pressão. Se seu desejo para 2017 foi entrar em um relacionamento sério, talvez seja hora de repensar nas suas prioridades.

Eu era uma romântica desesperada por um conto de fadas, até o ano passado. Eu ficava deprimida por não ter alguém para chamar de “meu namorado” e, cada vez que eu via um casal, me sentia mais miserável por não ter ninguém.

Mas sabe qual é o problema? Ficar tão concentrada em encontrar alguém que raramente você questiona seus próprios valores e necessidades. Eu costumava pensar que “ter um namorado” era a única maneira que eu poderia ter de ser feliz, mas depois de me iludir e quebrar a cara tantas vezes, eu percebi que estava destruindo minha própria vida em cima de relacionamentos inseguros. Tentar apressar as coisas em uma tentativa de chegar ao próximo estágio da vida é um grande erro e você pode se arrepender muito depois.

Simplesmente cansei de ficar vivendo nesse ciclo e decidi parar com o Tinder, parar de procurar pessoas aleatórias nas minhas redes sociais e também parei minha interminável procura por alguém pra ser “meu par”. Agora, coloquei três hábitos simples na minha vida que me fez perceber que ser solteira é um dos momentos mais importantes e preciosos da vida de qualquer um.

Então, enquanto você está solteira(o), aproveite para conhecer quem você é antes de convidar alguém para entrar na sua vida.

Planeje seu dia com uma intenção

Anote o que você precisa fazer para ser a melhor versão de você mesma. Isso incentiva a reflexão sobre quem você quer ser e, mais importante, o que vai ser necessário para se tornar essa pessoa. Reflita sobre o que você pode fazer para se destacar na sua profissão, nos seus hobbies e no seu desenvolvimento pessoal.

Foque nos seus pontos fortes

Seus primeiros pensamentos do dia já preparam o caminho para o segundo, terceiro, quarto e assim por diante. Faça com que esses pensamentos que estão na sua cabeça quando você acorda se concentrem em coisas como o quanto você capaz, confiante, útil, valiosa, digna, gentil, generosa, confiável, independente, feliz, alegre, aventureira, ousada, segura e amorosa, se concentre em cada um desses pontos. Foque na positividade, você será suficiente e não vai ter que confiar em um parceiro para ter essa satisfação.

Reflita sobre o seu dia

No final de cada dia, gaste de 15 a 30 minutos escrevendo ou pensando no que você aprendeu, no que se destacou e no que vacilou durante todo esse dia. Por quê? Simplesmente porque documentar sua vida em um diário vai te ajudar a aceitar a si mesma, apesar dos seus erros, esse “diário” vai te dar consciência para mudar seus pensamentos limitantes e comportamentos.

 

 

E aí? Topa esse desafio? Escreva sobre você, pense sobre você, conheça a si mesma. Você não vai se arrepender. 😉

Thami Sgalbiero

Leonina, botafoguense, enrolada, confusa e distraída. Ama ver, ler e falar sobre moda (mesmo não sendo expert no assunto). Sonha em ser atriz, mas enquanto esse sonho não se realiza, fica apenas no blog mesmo.

35 thoughts on “Porque ser solteira é a melhor coisa

  1. Selma Barbosa

    Sabe Thami, acho que os 20 anos vem carregado de muito desejo, né? É como se aos 19 você pudesse ter algumas atitudes infantis, curtir a vida adoidado e fazer tudo o que quiser, mas daí se passou para os 20 parece que cai uma pressão nos ombros que te obriga a querer casa e carro próprios, casamento marcado, filhos planejados, viagens programadas para os próximos cinco anos. Ok, que eu até exagerei um pouco, mas às vezes parece assim mesmo.
    Às vezes bate sim uma vontade de viver o “felizes para sempre” agora, mas sei que com a minha rotina atual eu mal “daria conta” de manter um relacionamento saudável. Seria coisa de se ver em fim de semana, e com trabalho e faculdade, a única coisa que eu desejo do sábado e domingo é acordar depois do meio-dia e pronto. Talvez quando a faculdade acabar ou quando tudo estiver mais ajeitado na vida apareça o namorado ideal. Por enquanto, eu até prefiro estar solteira, acabo focando nos meus projetos futuros e não preciso ponderar os lados pra se adequar aos sonhos de outra pessoa – isso soa meio egoísta que eu sei, mas enfim. Acredito que eu preciso estar completa e satisfeita comigo mesma para encontrar alguém que venha somar na minha vida, mas por agora eu mesma me completo.

    Adorei o post!

    Com carinho,
    Conto Paulistano.

    Responder

    1. Thami Sgalbiero

      Você não exagerou não, Sel. Conheço pessoas que pensam exatamente assim, com essa pressão da família de que precisa ter isso e tal, isso só complica tudo. Concordo, preciso organizar a minha vida pra depois colocar uma pessoa nela, sabe? É a mesma coisa que deixar uma criança entrar no seu quarto justamente quando ele está todo bagunçado, porque aí a bagunça vai ficar pior ainda e pra arrumar depois… Haja paciência e coragem. A única coisa que planejo nos meus finais de semana é acordar depois de meio dia também (mas sempre acordo no máximo às 10h, não importa a hora que eu durma, maldito relógio biológico). Soa meio egoísta sim, mas é exatamente isso. Com certeza você já deve ter visto filmes em que a garota deixava os sonhos dela de lado pra poder ajudar o namorado a seguir os sonhos dele e vice versa, sabe? Acontece mesmo. Melhor frase “agora eu mesma me completo” 😀 Obrigada!

      Responder

  2. Thayse Stein

    Antes de namorar eu sempre pensava que isso era tudo que eu precisava também, haha que só assim ia ser realmente feliz, ou algo do tipo. Mas com certeza, é bobagem isso, porque só dependemos da gente pra ser feliz e temos que nos amar mais, saber aproveitar nosso tempo com a gente mesmo. Eu namoro há oito anos e meio e aprendi muito com essa relação, eu acho que sou uma pessoa bem melhor e menos inconsequente, então toda experiência é válida e é um aprendizado, né? Por isso acho que o relacionamento em si (ou a falta dele) não justifica falta de amor próprio ou parar de pensar na própria vida e achar que precisa de alguém, o negócio é tentar ser bem resolvido e equilibrado, deixar as coisas mais leves e qualquer situação…


    Beijos
    Brilho de Aluguel

    Responder

    1. Thami Sgalbiero

      Sim, Thay! De toda forma é um aprendizado que a gente leva, seja solteiro ou com alguém. Você é um exemplo de que conseguiu nutrir e extrair tudo de bom em um relacionamento, não é atoa que a relação de vocês está aí né? Quando eu crescer, quero ser como vocês, hahaha! 8 anos é muita coisa, fiquei chocada agora do tanto da história de vocês e isso é lindo!

      Responder

  3. Ana Cruz

    Concordo com você Thami. Adorei o texto.

    Acho que todos deveriam passar por um período sozinhos para aprender a se amar em primeiro lugar e depois pensar em dividir a vida com alguém.
    Comecei a namorar com 15 anos e me casei com ele, já passamos perrengues justamente por eu não ter “aproveitado” o meu tempo de sozinha, ele é mais velho e fez o que podia e o que não podia, e não sente essa falta. Não me arrependo de ter escolhido ele, mas recomendo essa fase de autovalorização e espaço antes de um relacionamento sério.

    Beijinhos
    Ana Cruz
    http://www.celebrandomomentos.blogspot.com.br

    Responder

    1. Thami Sgalbiero

      Obrigada, Ana! Afinal, pra quê apressar as coisas né? Nem tudo que vem rápido, dura por muito tempo, então é sempre bom ir com calma, ir se estudando e estudando o outro para entender melhor e fazer a relação ser agradável para os dois.

      Responder

  4. Priscilla

    Ser solteira é tudo de bom, liberdade para tudo inclusive para entender que a felicidade, independente dela ser compartilhada, depende de nós mesmos. Sem falar que é muito bom ter um tempo dedicado somente para nós =)

    Responder

    1. Thami Sgalbiero

      Muito bom ter um tempo para nós mesmas né? Eu adoro! Me sinto livre pra fazer o que bem entendo e na hora que eu quero.

      Responder

  5. Lara Reis

    Adorei o texto, realmente muitas pessoas vivem sofrendo apenas por não namorar, e acho que a felicidade não está em mais ninguém, apenas em si mesmo, tudo depende de nossa vontade! <33
    Ameeeei o post!
    Bisous,
    Blog Pequeno Muffin | Lara Reis
    http://www.pequenomuffin.com.br

    Responder

    1. Thami Sgalbiero

      Obrigada, Lara! <3

      Responder

  6. Duane

    Ai, Thami, que maravilhoso esse seu texto! Você tá na mesma vibe que eu, de parar de se preocupar tanto com namoro e se importar com o que realmente importa: nós mesmas! Fico tão feliz em saber que você também está se empoderando ♥ Acredita que eu já faço essas três coisas? Pois é menina, tô chocada com a nossa ligação HAHAHAH. Todos os dias eu estou focando em ser a melhor versão de mim mesma e avaliando o que fiz. É incrível, né? A gente já tá começando a divar pra valer nessa vida \o/
    Beijos!

    Responder

    1. Thami Sgalbiero

      Sim, Du!!! E o bom é reparar nessas coisas logo agora, pra se sentir cada vez melhor no futuro né?

      Responder

  7. Carla Hurst

    Passei muito tempo da minha vida pensando em quando eu encontraria o amor da minha vida. Depois que parei de pensar assim, comecei a cuidar mais de mim e a realmente descobrir coisas que talvez eu não descobrisse com alguém. Depois um tempo, sem procurar, o amor veio até a mim e preciso confessar que assim foi muito melhor. Estava no melhor momento comigo mesma e acho que é o melhor jeito para a gente se relacionar com alguém: amando a gente em primeiro lugar! Ser solteira não é nenhuma punição, é só uma chance incrível de viver por aí descobrindo mais sobre si mesmo! Beijos!

    https://apaixonadaporfinaisfelizes.blogspot.com.br/

    Responder

    1. Thami Sgalbiero

      Falou perfeitamente e em poucas palavras “Ser solteira não é nenhuma punição”, é exatamente assim que tem que ser! 😉

      Responder

  8. Fernanda Oliveira Brito

    Ah que saudade dos meus 20 anos.. aproveita tudo o que tem para aproveitar nesta fase Thami. 🙂

    Gostei das dicas!

    Um beijo,

    http://www.purestyle.com.br

    Responder

  9. Fran Oliveira

    Eu tenho 22 anos e nunca namorei e não sinto vontade de encontrar alguém por agora! Estou tão focada em mim, que não está tendo espaço pra ninguém neste momento. Quero curtir minha vida, aproveita a liberdade e me descobrir cada dia mais! Gostei muito de tudo que você escreveu, acho que pratico tudo isso…<3
    Beijos,
    http://www.dosedeilusao.com

    Responder

    1. Thami Sgalbiero

      Fran, também tenho 22 anos e nunca namorei, e agora não sinto mais vontade, hahaha! Muito bom você se sentir assim, bem com você mesma <3

      Responder

  10. Lilian Moraes

    Eu meio que vivia nesse mundo de conto de fadas também, achando que ia me deparar com um príncipe encantado, mas a verdade é que boa parte (não generalizando) são decepcionantes.
    Estou dedicando um tempo para mim também e tem sido libertador.

    Beijos
    http://orangelily.com.br/

    Responder

    1. Thami Sgalbiero

      Sim, a maioria das vezes quando encontramos mesmo o príncipe encantado, é decepcionante 🙁 mas que bom que você está se dedicando à você. Todos merecem esse tempinho.

      Responder

  11. SImone

    Esse desafio Thami eu tenho a 5 anos, eu sempre escrevo sobre mim. Eu tenho um sério problema em ser solteira. hahahaha demorei a começar a namorar mas depois disso nunca mais fiquei fora de um relacionamento. Eu tive um de 4 anos aí terminou, tive um de 5 anos aí terminou e agora estou em um tem 6 meses e estou noiva hahahaha’ irônico né.
    Sabe uma coisa que faço também que me estrutura no dia, e em mim é roteiro quando acordo. Tipo eu escrevo tudo que espero de mim durante o dia aí vou marcando um X quando consigo e no final do dia faço uma reflexão sobre tudo.

    Adorei o post! [ acho que nunca escrevi tanto num comentário hahaha mals]
    Beijos

    http://www.cherryacessorioseafins.com.br

    Responder

    1. Thami Sgalbiero

      Não é irônica, é que as vezes o sentimento bate mais forte com uma pessoa que talvez estava sendo “guardada” pra você todos esses anos que você namorou e terminou, hahaha! Adorei isso que você faz pra melhorar o dia pra você, vou tentar fazer aqui também. Obrigada, Simone! Escreva sempre comentários assim, eu não me importo 😛 hahaha!

      Responder

  12. Gih

    No seu caso você precisava mesmo aprender a se amar mais sozinha.
    Mas como uma pessoa casada eu não me vejo sendo feliz sem alguém pra dividir meu dia.
    Acho que tudo são fases, primeiro precisamos descobrir tudo que nós feliz e completa com nós mesmas.. para só depois permitir que alguém entre em algo que já está completo e consiga preencher um vazio que não existe.
    Kisses

    Responder

    1. Thami Sgalbiero

      É porque você já se sente bem sozinha e casada se sente melhor ainda, sabe? Acho que é mais isso de se sentir completa com nós mesmas e depois permitir alguém para transbordar nossa felicidade.

      Responder

  13. Váh

    Eu também já fui como você, ficava totalmente chateada por não ter á quem chamar de “meu namorado”, claro ás vezes bate aquela bad, mas precisamos aprender ser feliz sozinhas, nos conhecer e depois convidar alguém que realmente valha a pena pra entrar na nossa vida né? Tem que ser recíproco, se não nem vale a pena.
    Adorei as dicas e o post, como sempre 🙂

    http://heyimwiththeband.blogspot.com.br/

    Responder

    1. Thami Sgalbiero

      Obrigada, Váh! Sim, às vezes bate aquela bad sim, mas isso é normal e tem que ser aquela que bate e passa, sabe? Não ficar ali por muito tempo, porque aí é que pior a situação, hahaha!

      Responder

  14. Pam

    Melhor coisa que você faz eu tava assim também e não me aguentava mais até ano passado e ai no finalzinho do ano eu falei basta, quando for pra acontecer vai acontecer de forma natural.
    Eu ficava estressada, procurando e agora só quero viver minha vida e esperar as coisas boas acontecerem mais nada.
    Adorei seu texto.
    Bom saber que não estava sozinha nessa.
    Beijos!
    Blog Pam Lepletier

    Responder

    1. Thami Sgalbiero

      É isso aí! Se tiver que ser, será e fim. Obrigada, Pam!

      Responder

  15. Carolina R

    Eu fui uma solteira muitoooooooo feliz(sou muitoooo feliz casada também).
    Mas, aproveitei cada minuto de minha solteirice, só fui me amarrar bem depois dos 20.
    Acho que cada fase tem sua preciosidade
    bjs

    Responder

    1. Thami Sgalbiero

      É tudo no seu tempo mesmo.

      Responder

  16. ray menezes

    Amei o post, Thami. Acho que muitas mulheres tem que começar a pensar assim, viu? Digo isso porque conheço várias que parece que precisam ter alguém pra chamar de “seu” pra serem felizes. Quando era mais nova esperava um alguém que fosse aparecer na minha vida e me fazer completa, mas esse alguém nunca chegava. Até um certo dia – depois de algumas decepções – eu entendi que pra ser feliz eu só precisava de mim mesma. E eu amei tanto estar solteira, Thami, achava uma coisa tão boa! Acho que fui me sentindo mais feliz por dentro, começando a me amar mais… essas poucas mudanças fizeram com que um alguém chegasse pra somar na minha vida. Acho que num relacionamento a gente tem que se amar primeiro pra poder amar o outro de fato, pra poder somar, dividir, se respeitar e respeitar o outro, acho que tudo começa com a gente. Daí hoje encontrei uma pessoa pra dividir meus melhores e piores momentos, pra somar alegria na minha vida… Uma pessoa pra fazer tudo o que eu fazia quando era solteira, só que agora faço acompanhada xD Se meu relacionamento não fosse assim, não teria durado nem três meses, porque é aquele ditado, né? Antes só do que mal acompanhada! HAHAHAHAH

    Um beijo!
    Heeey, Maria! | Fanpage

    Responder

    1. Thami Sgalbiero

      Obrigada, Ray! Conheço muitas mulheres assim também, e bota muitas nisso, haha! Bom é quando alguém entra na sua vida pra somar né? Mas isso só acontece quando a gente se completa puramente sozinha. O ditado é real! Hahaha! Mas que bom que encontrou alguém para agora compartilhar tudo o que você aprendeu estando sozinha e que essa pessoa está acrescentando mais em você, isso que é bom, mas só aconteceu por mérito do seu pré relacionamento com você mesma 😉

      Responder

  17. Bruna Morgan

    Olha, depois de namorar por 3 anos, voltar a ser solteira é a melhor coisa DO MUNDO hauhauahua

    Responder

    1. Thami Sgalbiero

      Hahaha! Ainda não tive essa experiência 😛

      Responder

  18. Brigadeiros e Barcelona

    Ache que a melhor coisa é saber preservar a individualidade e nunca viver tentando agradar outras pessoas…e isso vale estando solteira ou nao! 🙂

    Bjs!

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *