Confissões de Uma Garota Excluída, Mal-Amada e (Um Pouco) Dramática

A atrasada das resenhas de livro voltou!!! Euzinha Sgalbiero. Dessa vez trouxe um livro no qual já falei e mostrei várias vezes nas redes sociais, inclusive fiz um vídeo fazendo uma das receitas que tem nesse livro. Sim, esse livro tem umas receitas no meio, só lendo pra entender.

Sinopse: Tetê acaba de se mudar com a família toda para a casa dos avós em Copacabana, no Rio de Janeiro. O lindo e espaçoso apartamento da Barra da Tijuca em que morava teve que ser vendido, pois com a crise o pai perdeu o emprego, e o resultado é que a vida dela virou de cabeça para baixo.

Além de perder a privacidade – tendo que dividir o espaço com cinco parentes malucos que brigam o tempo todo –, ela perdeu todas as suas referências. A única coisa que a deixa feliz é cozinhar. E, claro, comer as delícias que faz.

O lado bom foi se livrar do antigo colégio, onde sofria bullying por causa de seu jeito peculiar. Sem contar sua desilusão amorosa… O problema é que ela está apavorada, porque agora tudo será novo e estranho, com o ensino médio, com a nova escola e sem conhecer ninguém. Ela morre de medo de ser excluída, de não fazer amigos ou de sofrer bullying novamente.

Apesar de ser uma garota divertida e bem-humorada, ela está mal. Ou talvez seja um pouco de drama, porque no primeiro dia de aula as coisas já parecem um pouco diferentes… Com o tempo, ela vai percebendo que sair da zona de conforto e enfrentar seus medos é a única maneira de ser feliz.

Como todo livro da Thalita Rebouças, sou fã das histórias que ela escreve, dela e dos personagens, então é difícil fazer uma resenha sem puxar saco com elogios, sabe? Mas tenho que ser sincera e dizer o que achei sem dar spoilers.

Achei o livro de leitura leve, espontânea e com um tema bem atual. Trata do bullying de uma forma leve também, mostrando tanto o lado de quem “recebe” quanto de quem “atua” no bullying. Óbvio que, como é um livro juvenil, tem lá aquela coisa e “felizes para sempre”, mas é de um jeito brasileiro, gostoso de ler e que você se sente na história ou se sente a própria personagem. Gosto desse modo de escrita da Thalita por causa disso, é uma leitura fácil, divertida, boa mesmo de ler.

Confesso que em vários momentos do livro, fiquei rindo sozinha. Levei esse livro pra viajar comigo do Rio pra SP e fui lendo no ônibus durante a viagem, ficava rindo ou sorrindo sozinha, não dava vontade de parar nunca! Confesso também que fiquei enrolando pra chegar no final do livro com medo dele acabar rápido demais, então quando cheguei mais da metade do livro, fui lendo lentamente 1 capítulo por dia. Infelizmente terminei de ler e agora vou ter que esperar ou um segundo livro com a Tetê ou outro livro completamente diferente.

Acho que seria interessante escrever um livro na visão da pessoa que fez o bullying com a Tetê, pra gente entender um pouco o que se passa na cabeça dessas pessoas que fazem isso. Por puro prazer? Um parafuso a menos na cabeça? Com motivos rancorosos? Por quê faz isso? Eu já sofri bullying e queria realmente entender porque as pessoas fazem isso. Uma coisa é brincar ou implicar de leve com uma pessoa, outra coisa é ver que isso tá afetando a pessoa e continuar com mais intensidade. Acho isso tão sem sentido, tão desnecessário. Aplaudo de pé quem consegue passar por cima disso tudo e se mostrar forte para ajudar outras pessoas que passam por isso. Tenho como admiração as cantoras Demi Lovato e Jessie J por conta isso, e em diversas músicas elas “desabafam” sobre o que passaram e como bolaram uma estratégia pra darem a volta por cima de uma forma sutil e sem machucar ninguém de volta.

Não preciso nem dizer que me vi muito na personagem do livro, a Tetê, né? Não só por causa do bullying que ela sofre e sim pelas situações de drama absoluto. Eu sou a drama queen em pessoa, quem me conhece, sabe. Tem uma parte do livro, em relação à um garoto que ela tá saindo, que ela faz um drama todo por causa de uma informação, me vi demais ali. Minhas amigas é que sofrem. Inclusive, tô quase criando um grupinho “drama queen”, quem se identificar, pode entrar nele pra desabafar, porque lá será um grupo onde todo mundo vai se entender.

 
Comprei o livro antes do lançamento pela internet, mas no dia do lançamento que ela fez a tarde de autógrafos no shopping aqui perto de casa, o livro ainda não tinha chegado. Resultado? Pedi pra ela autografar um marcador do livro.

Também apoio um filme baseado nesse livro. Porque eu as vezes ia lendo as falas interpretando cada expressão do personagem, isso é mania minha, gosto de atuar e fico as vezes de frente pro espelho imitando personagens de séries ou filmes. Sou maluca? Sou, muito! Mas é meu jeitinho de ser né? Fazer o que?

Enfim, é um livro muito bom mesmo! Com assunto atual e que vale a pena ser lido. Fora que, como a leitura é leve e tranquila, dá pra ler em menos de uma semana sem esforços.

Mas e aí? Vocês já conheciam esse livro? Ficaram com vontade de ler? Gostaram da resenha? Comentem aqui!

Thami Sgalbiero

Leonina, botafoguense, enrolada, confusa e distraída. Ama ver, ler e falar sobre moda (mesmo não sendo expert no assunto). Sonha em ser atriz, mas enquanto esse sonho não se realiza, fica apenas no blog mesmo.

47 thoughts on “Confissões de Uma Garota Excluída, Mal-Amada e (Um Pouco) Dramática

  1. Hey I'm With The Band

    Adorei que tem receitinhas também, foi desse livro que você tirou aquele doce Romeu e Julieta não?
    Parece ser um livro bem gostoso de ler e por favor me deixa entrar para o seu club das 'drama queen' porque eu também sou HAHAHAHAH
    Gostei, deu vontade de ler 🙂
    E que chique que você conheceu a autora *—*

    https://heyimwiththeband.blogspot.com.br/

    Responder

    1. Thami Sgalbiero

      Foi esse mesmo!!! Hahaha! Vou te colocar nesse clube também, mas tem que honrar ein! Hahaha! Sério, to pensando mesmo em criar… 😛

      Responder

  2. Leidiana Pereira

    A Thalita é maravilhosa né?
    Sou fã dos livros dela desde a 7ª série. hehe
    Esse eu não sabia do lançamento e gostei muito da história, vou comprar assim que eu tiver $$$, achei uma gracinha e queria ser sortuda como você para ganhar um autógrafo e foto com essa diva. *–*
    Beijos. ♥

    Diário da Lady

    Responder

    1. Thami Sgalbiero

      Também sou, mas acho que comigo foi desde à 5ª série mesmo, hahaha! Adoro os livros dela! Ela sempre faz sessão de autógrafo quando lança livro novo e a minha sorte é que ela é da minha cidade <3 então por isso sempre tem sessão de autógrafos e às vezes é bate papo + sessão de autógrafos, hahaha!

      Responder

  3. Camila Faria

    Oi Thami, nunca li um livro da Thalita Rebouças porque sinto que os temas que ela aborda são muito teen e eu fatalmente vou acabar não me identificando muito… Mas curti a sua ideia de ter um outro livro, agora do ponto de vista da personagem que fez o bullying, acho que seria incrível!

    Responder

    1. Thami Sgalbiero

      É, muita gente não se identifica, porque ela escreve mais pro público que gosta dessa informalidade mais jovem e tal. Eu comecei a ler quando era mais nova, então tenho um amorzinho pela escrita teen dela mesmo, hahaha! Essa minha ideia eu jogo pra todos os livros que eu fico curiosa pra saber mais sobre o personagem secundário, sabe? Sempre fico querendo saber o pensamento desse personagem.

      Responder

  4. Rafa Oliveira

    Os livros da Thalita são uma fofura só,além de ser uma leitura deliciosa.
    Gostei bastante da resenha 🙂

    http://www.paginasempreto.blogspot.com.br

    Beijos

    Responder

  5. Ray Menezes

    Eu nunca li nada da Thalita, acredita? E o pior é que até acho que gostaria de ler alguns títulos dela, mas nunca comprei nenhum D: Acho que gostaria de ler especificamente esse, por causa da temática e porque simplesmente amei essa capa. Linda demais!

    Um beijo, Thami, tenha uma boa semana!
    heeeymaria.blogspot.com.br

    Responder

    1. Thami Sgalbiero

      Pode começar já lendo esse 😉 Ou pede emprestado pra alguém. Se você morasse na minha rua ou no meu bairro, te emprestaria agora! Hahahaha!

      Responder

  6. Boas de Papo

    Também sou muito fã dos livros da Thalita! Li a coleção inteirinha de Fala Sério e cada livro eu li em menos de dois dias haha! Tô louca nesse livro, parece ser bem interessante.E seria mesmo muito bom ter um livro que contasse o ponto de vista de quem pratica bullying, pra gente saber porque fazem isso!
    Beijos
    Boas de Papo

    Responder

    1. Thami Sgalbiero

      Sim, os livros dela eu leio rapidinho também, porque todos tem uma leitura muito agradável e rápida né?

      Responder

  7. Sté Maciel

    Não faz muito que li uma resenha deste livro e fiquei super a fim de ler! A Tha é demais! Amei a resenha *-*

    Beijão, mariasabetudo

    Responder

    1. Thami Sgalbiero

      Obrigada, Sté! Se for ler, depois volta aqui pra me contar o que achou 😀

      Responder

  8. Gaby Dahmer

    Só em ler a parte "pelamooooor" me conquistou, já tá indo direto pra minha wishlist kkkk

    Beijos,
    Blog Gaby DahmerFanpageInstagramTwitter

    Responder

    1. Thami Sgalbiero

      Também gosto da Thalita por causa disso, hahaha! Ela fazer a gente se sentir na personagem ou com a personagem né?

      Responder

  9. Debora Dahl

    Eu nunca li um livro dela, mas sempre ouco falar muito bem. Esse parece ser bem legal msm. Ja quero filme.. hahaha.. bjs

    http://www.deboradahl.com

    Responder

    1. Thami Sgalbiero

      Sim! Também quero filme, hahaha!

      Responder

  10. Jovem Jornalista

    Esse tema deveria ser mais abordado nas escolas e em outros livros. Ele é muito importante.
    Beijos e boa semana!

    Jovem Jornalista
    Fanpage
    Instagram

    Responder

    1. Thami Sgalbiero

      Também acho que deveria ter mais livros com esse assunto, mas até acho que tem, só não é muito divulgado/conhecido 🙁

      Responder

  11. Lorraine

    Melhor livro, esse que muda nosso humor, deixa a gente feliz e sem vontade nenhuma de acabar porque a história tá muito boa! E que delícia que você conhecer a Thalita <333

    beeeijo

    Responder

    1. Thami Sgalbiero

      Sim <3 fiquei sem vontade de acabar, aí fui lendo um capítulo por dia, hahaha!

      Responder

  12. Thaiane e Thalita

    Já conhecíamos o livro e temos muita vontade de ler, parece mesmo ser uma leitura leve e que flui, também já sofremos bullying então íamos nos identificar com o livro realmente ie dificil saber o que se passa na cabeça de quem faz bullying.

    Beijos

    onlyinspirations.blogspot.com.br

    Responder

    1. Thami Sgalbiero

      As vezes a pessoa que faz bullying teve alguma coisa no passado que a faz fazer essas coisas pensando que vai se sentir bem, mas na maioria das vezes essa pessoa tá só se enganando mesmo.

      Responder

  13. Maria Eduarda {@dudsparrow}

    Adorava os livros da Thalita, e agora até me deu saudade deles *-*
    Essa sinopse parece muito boa mesmo, e também me identifiquei com as sofrências, ja que sofri bastante rejeição nos tempos de escola :S
    Abraço! 🙂

    Red Behavior

    Responder

    1. Thami Sgalbiero

      É, no livro tem essas sofrências mas de uma forma leve de entender, sabe? É muito bom pra ler 😉

      Responder

  14. Duane

    Thami, eu também leio os livros da Thalita desde os meus 12, 13 anos, e comecei com Fala Sério, Mãe! Adoro o jeito que ela escreve. Parece que tô assistindo um filme ou uma série, por isso entendo bem quando você diz que podia muito bem ter uma versão cinematográfica (ia ser demais!).
    Eu li esse livro logo que você fez aquele vídeo com a receita do creme e amei, amei, amei. Não consegui me segurar e li em um dia.
    E sim, também amei a sua resenha (e fiquei com uma pontinha de inveja porque não tenho nenhum livro ou marcador autografado por ela HAHAH).
    Beijos!

    claramenteinsana.com

    Responder

    1. Thami Sgalbiero

      Também comecei com "Fala Sério, Mãe!" *-* Também adoro o jeito que ela escreve, parece que ela já escreve um roteiro de filme com o livro né? Hahahaha! Eu ainda quero fazer todas as receitas que tem naquele livro, principalmente por serem fáceis e tranquilas de fazer. VEM PRO RIO QUE ELA AUTOGRAFA! Hahahaha! Mas sério, sempre que tem lançamento ela faz tarde de autógrafos, ou as vezes faz sessão de autógrafos + bate papo, é muito bom!

      Responder

  15. Marília Pessoa

    Amei demais o título desse livro, já fiquei querendo ler só de ver a capa. E saber que o livro foi escrito pela Thalita é garantia de uma leitura leve, gostosa e muito divertida! quero ler!
    bjs
    blogtrashrock.com

    Responder

    1. Thami Sgalbiero

      Sim! O livro te prende e você lê rapidinho, é bem bom. Recomendo 😉

      Responder

  16. Hellz.

    THAMIIIIII

    como você sabe, esse foi um dos livros que ganhei lá no skoob e chegou na minha casa <3 tô muito doida pra ler, mas tô me segurando esperando o outro livro do sorteio chegar pra tirar umas fotos pro blog e enfim HAHAHAH (sou mei loka, só quero ler depois de fazer o tal post, enfim…).
    Desde o lançamento desse livro, o título com toda certeza pareceu ter sido feito em descrição a mim mesma :B HAHAHAH Uma drama queen típica merece, né?

    A Duane (ali em cima!) já me falou dessas receitas do livro, mas fiquei boiando. Vou continuar quietinha pra não pegar spoiler HAHAHAH

    beeeeeeeeijo
    beinghellz.com

    Responder

    1. Thami Sgalbiero

      Te entendo, porque aí o livro tá bonitinho. Esse aí eu fotografei depois, então ele já tava sujo, tive que dá uma limpada básica, hahaha! Então, eu fiz uma das receitas, tem mais no livro que eu ainda quero fazer. Precisamos fazer nosso clubinho das drama queen né? Hahahaha!

      Responder

  17. -Lunii †

    Olá, tudo bom?
    Cara, eu só li um livro dessa escritora e até hoje morro de vontade de pegar os outros, pq é o tipico livro que eu gosto, sabe? Quando vi esse eu me apaixonei logo pelo título e achei que séria minha cara fjnsdajfnsd.
    Já que você quer entender como é uma pessoa que está praticando bullying, procure pelo livro da R.J Palácio, ela que escreveu extraordinario, depois disso escreveu livros retratando o ponto de vista do outros personagens, incluindo do garoto que fazia o bullying, tem até um reviravolta super legal.
    AAHHH que invejinha boa, nunca tive a oportunidade de conhecer algum escritor porque moro muito longe e quase nenhum vem para cá 🙁
    Vou tentar comprar logo esse livro.

    Sessão Proibida

    Responder

    1. Thami Sgalbiero

      Então, nesse também tem uma reviravolta no livro, é bem legal também. Acredita que nunca li nenhum livro da R.J Palácio? Vou procurar esse que você tá falando, porque fiquei curiosa. Vem passar uns dias no Rio, mas aproveita pra vir em um dia que tenha lançamento de livro dela, hahaha! É certo que você consegue conhecer e conversar com ela, de brinde ganha autógrafo 😛

      Responder

  18. Lilian Moraes

    Eu já tinha lido a resenha desse livro e super me interessei! E fora que o título é bem chamativo né? hahahaha.

    Beijos
    http://orangelily.com.br/

    Responder

    1. Thami Sgalbiero

      Sim! Quando ela divulgou o nome, já tinha me chamado atenção, hahaha!

      Responder

  19. marymicucci

    Nunca li um livro da Thalita Rebouças, acredita? Poderia começar com esse, né? Gostei bastante da resenha.
    http://marymicucci.com

    Responder

  20. Lulu on the sky

    Thami,
    Nunca li nada da autora mas pela forma que você contou deve ser hilário.

    Big Beijos
    Lulu on the Sky
    Saiu vídeo novo no canal!

    Responder

  21. Geovanna Andrade

    Que legal cara! Ainda não sabia do lançamento desse livro, mas me interessei muito, é bom ler algo leve de vez em quando.. E depois, todos os livros dela e da Paula Pimenta me lembram infância, eu adorava!! <3
    http://www.geoandrade.com.br

    Responder

    1. Thami Sgalbiero

      Sim, Geo! Eu adoro os livros da Paula Pimenta também!!! Inclusive to lendo um agora, o Fazendo Meu Filme 2.

      Responder

  22. Carol

    Eu quero muito ler esse livro!! Fiquei super curiosa quando vi a sinopse, ele parece ótimo!
    Beijos
    BlogCarolNM
    FanPage

    Responder

  23. Julie Chagas

    Que capa mais amor! Dizem para não julgarmos o livro pela capa, mas essa é tão fofa, que eu compraria o livro só de olhar para ela kkkk
    Ótima dica =)

    Responder

    1. Thami Sgalbiero

      Sim, mas infelizmente a gente acaba julgando pela capa mesmo né? Mas tudo bem, tem casos e casos.

      Responder

  24. Thayse Stein

    Ah, que bacana que tu conseguiu autografo e foto com ela e tudo, sério! Achei interessante isso de colocar as receitas no meio, porque eu adoro cozinhar e adoro um drama, então fiquei curiosa pra ler 😀


    Beijos
    Brilho de Aluguel

    Responder

    1. Thami Sgalbiero

      É um livro muito bom que vale a pena dar uma lida mesmo 😉 hahaha!

      Responder

  25. vintagepri

    A Talita é muito divertida, tenho certeza que o livro é ótimo 🙂

    Beijos,
    Pri
    http://www.vintagepri.com.br

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *